Transcotta inicia o processo de bilhetagem eletrônica em Ouro Preto

O serviço de bilhetagem eletrônica nos ônibus chega a Ouro Preto com o objetivo de modernizar a cobrança de passagens e proporcionar mais conforto, além de segurança aos passageiros que utilizam o transporte urbano na cidade. A Transcotta, a partir do dia 20 de setembro próximo, começará efetivamente o processo de bilhetagem eletrônica nas linhas que percorrem a cidade. Neste primeiro momento, somente as linhas urbanas contarão com o sistema.

A tecnologia é uma realidade, e os benefícios em adota-la são muitos, além de agilizar o embarque e desembarque, os passageiros poderão fazer uso do “Moovit”, aplicativo que permite planejar viagens de transporte público. Com o Programa, já disponível na PlayStore e Apple Store e já em funcionamento em Ouro Preto, o passageiro terá acesso aos trajetos dos ônibus, o tempo de viagem e os horários de todas as linhas. Além de gratuito e simples de usar, o aplicativo será muito útil para reduzir o tempo de espera nos pontos de ônibus.

Os novos cartões serão divididos nas seguintes categorias:

TIPO DE CARTÃO DESTINATÁRIOS LOCAL E DATA
DE RETIRADA
BENEFÍCIO ESPECIAL Destinado aos portadores de necessidades especiais OuroTran – a partir do 17/09/18.
BENEFÍCIO SÊNIOR Destinado a idosos acima de 60 anos (a solicitação será opcional) Secretaria de Defesa Social – a partir do dia 17/09/18.
VALE -TRANSPORTE Destinado aos trabalhadores que recebem recargas regulares de seus empregadores As próprias empresas serão responsáveis pela entrega dos cartões.
USUÁRIO Destinado aos cidadãos em geral – Para cartões identificados com CPF deverão ser solicitados na Transcotta.

– Para cartões avulsos, poderão ser adquiridos no comércio da cidade. E, a partir do dia 20/09/18 já estarão à venda na garagem da Transcotta.

Vale lembrar que, para os idosos acima de 60 anos, a solicitação do cartão será opcional. Todos poderão acessar o transporte coletivo apenas apresentando um documento oficial com foto. Porém, é interessante que todos tenham o cartão para que haja mais controle e segurança, de forma que possam sempre entrar pela porta da frente.

Ainda, para aqueles que optarem pelo cartão com identificação do CPF, em caso de perda, o usuário poderá comunicar à empresa e, dessa forma, reaver o saldo que não havia sido utilizado.

As carteirinhas de gratuidade continuarão valendo até dia 30 de novembro. Após esta data, só serão aceitos os cartões eletrônicos. Já os vales-transportes de papel terão sua validade respeitada de acordo com o período estampado neles

Transcotta inicia o processo de bilhetagem eletrônica em Ouro Preto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *